Política

Com desconto de R$ 145 mil, empresa vence licitação para construir CRAS Cascatinha

A Xls Engenharia e Construção vai construir a sede própria do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Cascatinha. A empresa venceu a licitação na modalidade tomada de preço ao apresentar um orçamento com desconto de 22,51% sobre o valor de referência.

A obra vai custar R$ 504.275,17, quando o orçamento de referência foi fixado em R$ 649.301,03. A licitação teve participação de 5 empresas.

Serão aplicados R$ 382 mil reais, recurso do Ministério da Cidadania e contrapartida de R$122.275,15 de recursos próprios do município. A verba federal, viabilizada por emenda parlamentar do ex-deputado Luiz Henrique Mandetta, disponível há três anos, estava na iminência de ser devolvida, mas por orientação da prefeita Vanda Camilo, foram adotadas medidas que garantiram economia nas despesas de custeio que será revertida como contrapartida da obra.

A sede do CRAS Cascatinha, que hoje funciona num prédio alugado, terá 233,20 m² de área e será construída lado do Centro de Referência Especializado de Assistência Social (CREAS), localizado na rua Diogo Cunha, bairro Cascatinha II, seguindo o padrão arquitetônico adotado em todo o país pelo Ministério da Cidadania.

Cras Cascatinha

Em torno de 2.500 famílias integram o território de atendimento do CRAS Cascatinha, abrangendo os bairros Cascatinha I, Cascatinha II, Santa Marta, Jardim Alfa, Jardim do Sul, Jardim Petrópolis, Vila Carinhosa, além das aldeias Tereré, Nova Nascente e Nova Tereré.

O Cras Cascatinha também é responsável por comunidades rurais e indígenas distantes do perímetro urbano, as aldeias Córrego do Meio, Dez de Maio e Lagoinha, além dos assentamentos Capão Bonito I e II, São Pedro, Barra Nova I e II, Santa Lúcia, Geraldo Garcia, Valinhos, Santa Terezinha, Estrela, Mutum, regiões do Cantagalo, Pequi dos Crentes e todas as que se situam na divisa com os municípios de Nova Alvorada, Rio Brilhante e Maracaju.

Hits: 57