Cidades

Em Sidrolândia, Castramóvel já operou mais de 50 animais

A unidade móvel de atenção à saúde animal de Sidrolândia, popularmente conhecida como Castramóvel, avaliou 59 felinos (gatos), sendo castrados 31. Recentemente, a médica veterinária Kênia Aniz, responsável pela unidade, iniciou as avaliações e castrações dos caninos, seguindo o cronograma dos animais cadastrados e pré-selecionados em 2020.

De acordo com a Kênia Aniz, dois mil animais foram cadastrados. “Nós temos que executar o serviço por etapas. Na primeira etapa, a equipe atendeu 11 gatos da Associação Protetora dos animais e 20 da população. Dos avaliados, tivemos 10 donos que não levaram o felino no dia da cirurgia e 18 felinos que ou sumiram do dono ou estão em tratamento inaptos para a castração. Seguimos agora para o agendamento e castração dos cães machos de até 5 anos e até 10kg”, explica.

Os pets receberam a avaliação profissional, para o diagnóstico de aptidão ao procedimento da castração, e tomaram a vacina antirrábica, preconizada pela resolução do Conselho de Medicina Veterinária. Kênia destaca que equipe do Castramóvel liga agendando a data para o procedimento de castração.

Os serviços de cirurgias são gratuitos e iniciaram, de fato, no mês de junho. O ato de início contou com a presença da prefeita, Vanda Camilo, e do deputado estadual Márcio Fernandes, autor do projeto que se tornou programa de castração de cães e gatos em 69 municípios de Mato Grosso do Sul. Após o ato, o deputado enviou uma emenda, para Sidrolândia, no valor de R$ 200 mil reais, que foi destinado para a conclusão das obras do Núcleo de Controle de Zoonoses (NCZ).

A Prefeitura informa que, após todos os procedimentos agendados serem realizados, divulgará uma data para novos cadastros.

Hits: 2

Redação Ms de Fato

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário