Cidades Educação

Escolas municipais de Sidrolândia voltam a ter aulas 100% presenciais a partir do dia 18

Os alunos da pré-escola ao 9º ano do Ensino Fundamenta das escolas municipais de Sidrolândia voltarão a ter aulas 100% presenciais a partir do próximo dia 18 de outubro. Os Centros Municipais de Educação Infantil só atenderão às crianças do berçário e do maternal, se as mães apresentarem declaração das empresas onde estão trabalhando.

Os alunos, cujos pais não concordarem com a volta das aulas presenciais, continuarão tendo acesso ao AVA  (Ambiente Virtual de Aprendizagem). Outra opção é retirar as atividades deles impressas mas os estudantes não terão mais os professores para tirar dúvidas.

Cb image default
Foto: Rafael Brites

Segundo a secretária Municipal de Educação, Maristela Stefanello, o uso da máscara continuará sendo obrigatório, assim como medidas de biossegurança, como aferição da temperatura corporal na entrada da escola, proibição do compartilhamento de copos, matéria. A merenda escolar continuará sendo servida dentro da sala de aula e não haverá recreio para evitar aglomerações. Também continuará disponível álcool em gel para higienização das mãos.

Regime híbrido

As aulas 100% presenciais foram suspensas em março do ano passado, quando começou a pandemia. Até o final do 1º semestre do atual ano letivo, os alunos só tiveram atividades remotas. O sistema híbrido, com metade da carga horária remota e a restante presencial, começou dia 2 de agosto, para os alunos do 6º ao. 9º ano do Ensino Fundamental. Na semana seguinte, a partir do dia 9, o final formato foi estendido as demais turmas (pré-escola ao 5º ano), ficando de fora apenas os alunos do berçário e maternal. No regime híbrido os alunos foram divididos em dois grupos, que alternam uma semana de aulas presenciais e outra de atividades remotas

A volta das aulas 100% presenciais também foi decidida pelo Governo do Estado, só que a partir desta segunda-feira, dia da 4.

Avanço da vacinação

A volta das aulas presenciais foi aprovada num momento em que o número casos de Covid-19 caiu, óbitos e também da pacientes internados, tanto que foi desativada a ala do Hospital Elimiria Silvério Barbosa destinada aos pacientes com sintomas mais graves do novo coronavirus. Em setembro, 113 pessoas testaram positivo e nos últimos 60 dias, foram 184, média diária de 3,73. Um quadro diferente do registrado, por exemplo, em março, pico da pandemia, com 1.017 casos, perto de 30 por dia. Conforme os dados do vacinômetro, 3.198 adolescentes já tomaram a primeira dose e 1.093 estão imunizados.

Hits: 16

Redação Ms de Fato

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário


”Play”

Enviar Mensagem
Posso ajudar?
Olá
Tudo Bem?