Cidades

Hemosul abre o dia todo e convoca doadores de sangue O, A e B

Diversos fatores têm contribuído para uma queda de até 70% nas doações de sangue no Hemosul da Capital. Se engana quem pensa que só o frio afasta os doadores. O tempo seco, a pandemia e mais recentemente as vacinas também integram o rol de motivos que justificam o apelo incessante do Hemosul à população. 

“Pedimos o apoio de toda a população do Estado para que procurem o banco de coleta mais próximo e façam a doação. A cada bolsa doada podemos salvar até quatro vidas e precisamos da ajuda de cada indivíduo para continuar ajudando aqueles que precisam”, reforça a Coordenadora Geral da Rede Hemosul, Marli Vavas.

Pessoas que testaram positivo para a Covid, precisam esperar pelo menos 30 dias para voltarem a doar sangue. Para quem tomou a vacina, é necessário observar o período conforme a dose recebida: Coronavac (48 horas) e Pfizer, Astrazeneca e Janssen (7 dias). 

Na atualização de quinta-feira (19) o estoque estratégico indicava os tipos sanguíneos O+ e O- como baixo, A+ e B+ como mediano. Porém, o Hemosul reforça que todos os tipos de sangue são bem vindos. 

Neste sábado (21) as equipes do Hemosul Coordenador irão atender das 7h às 17h visando aumentar os estoques e acolher o maior número de doadores. O Hemosul Coordenador fica localizado na Av. Fernando Correa da Costa, Nº 1304, centro.

Para doar é necessário estar em boas condições de saúde, estar bem alimentado, ter entre 16 e 69 anos, pesar no mínimo 55 quilos e portar documento oficial com foto. Para mais critérios sobre a doação de sangue acesse www.hemosul.ms.gov.br

Hits: 4