Famosos

Igreja evangélica processa Fernanda Brum e pede indenização

A cantora Fernanda Brum, famosa no meio gospel, se envolveu em uma briga judicial após faltar em um compromisso com uma igreja evangélica em Jequié, na Bahia, que a tinha contratado para uma celebração entre cristãos.

De acordo com informações da colunista Fábia Oliveira, do jornal ‘O Dia’, a Igreja Evangélica Batista Jesus Lírio dos Vales acionou a Justiça alegando ter contratado Fernanda em junho de 2018 para um evento, marcado no final do mês de setembro. No entanto, a cantora pediu um adiamento e a celebração foi remarcada para o início de outubro, mas ela não compareceu. A religiosa justificou a ausência, mas não propôs outra data para o compromisso.

Agora, a empresa pede um pouco mais de R$ 46 mil de indenização referentes ao cachê pago de R$ 15 mil, na época, as passagens aéreas e gastos com a produção do evento chamado ‘Chá das Mulheres’, alegando danos morais e materiais e inadimplência contratual por não cumprir o acordo.

Fernanda Brum ainda não se pronunciou sobre o caso.

Hits: 2

Redação Ms de Fato

Adicionar Comentário

Clique aqui para postar um comentário