DESTAQUE Política

Reunião oficializa grande mobilização entre Legislativo, Executivo, Judiciário e deputado em prol da Segurança Pública de Sidrolândia

Na manhã desta terça-feira (14), após entrega de repasse financeiro da Câmara Municipal ao Conselho Comunitário de Segurança Pública, uma reunião formalizou a grande mobilização dos poderes Legislativo, Executivo e Judiciário, juntamente ao comando da Polícia Civil e Militar, com a presença do deputado estadual Gerson Claro, para otimizar a Segurança Pública no município de Sidrolândia.

Participaram do ato os vereadores, a prefeita municipal Vanda Camilo (PP), o deputado estadual Gerson Claro (PP), o presidente do Conselho Comunitário de Segurança, Waltemir Ferreira Ribeiro, a promotora de Justiça, representando o Ministério Público, Daniele Borghetti Zampieri, o Juiz da 3ª Vara Criminal de Sidrolândia, Claudio Muller Pareja, a delegada de Polícia Civil, Thais Duarte, representando o delegado Diego Dantas, o coronel da Polícia Militar André Henrique de Deus Macedo, comandante do Comando de Policiamento Metropolitano (CPM), entre outras autoridades e o comando da Polícia Civil e Polícia Militar.

No Mato Grosso do Sul, a Segurança Pública é a segunda maior solicitação da população, ficando atrás somente da saúde. O aumento de casos de violência, agressão, furto, roubo e outros atos de criminalidade, os poderes têm se preocupado com o município de Sidrolândia.

Durante a reunião, as autoridades debateram os desafios atuais na infraestrutura disponível aos responsáveis pela efetividade da Segurança Pública e a necessidade de engajamento dos três poderes.

Uma das demandas que mais preocupam as autoridades é a vulnerabilidade dos moradores dos assentamentos, visto que diversas pessoas que cometem atos criminosos, se mantém escondidas nas diversas extensões da área rural do município. Sendo assim, o objetivo é implantar o projeto de patrulhamento rural do Governo do Estado nos assentamentos e agrovilas do município.

Cb image default
Divulgação

 Além disso, foram deliberadas as seguintes demandas durante a reunião:

a) O Quebra-Coco está desassistido, dependendo do efetivo de policiais da área urbana. Então, até outubro será disponibilizado pela Polícia Militar o retorno de atendimento no posto do distrito;

b) O projeto de patrulhamento rural do Governo do Estado terá início nos assentamentos, agrovilas do Município de Sidrolândia (MS);

c) Para atender o efetivo da Polícia Militar em Sidrolândia com o número de 30 (trinta) policiais há mais, faz-se necessário concurso público, com previsão específica no edital para que os mesmos sejam lotados no Município de Sidrolândia (MS), sendo assim o deputado Gerson Claro empenhará esforços para buscar junto ao Governador a realização;

d) Com relação a Polícia Civil, será levado ao Secretário de Segurança Pública o pedido de instalação da Delegacia da Mulher em decorrência do crescimento dos crimes relacionados a violência doméstica. A unidade policial é especializada no atendimento de mulheres, crianças e adolescentes que vivenciaram situações de violência física, moral e sexual. Responsável pelo registro de ocorrências, investigação e apuração de crimes. Além disso, faz a solicitação de medidas preventivas previstas na Lei Maria da Penha e o encaminhamento para laudos no Instituto Médico Legal;

e) Como sugestão paliativa e imediata para o atendimento do aumento de policiamento no Município, o Conselho Comunitário de Segurança buscará o modelo de atendimento realizado no Município de Chapadão do Sul, em forma de regulamentação e participação dos entes públicos, a fim de que os policiais atendam nos dias de folga com a remuneração proposta e com participação do comandante local da Polícia Militar para indicação dos policiais interessados.

A promotora de Justiça, Daniele Borghetti Zampieri comemorou a união dos poderes: “É realmente uma inovação que haja um apoio dos poderes de segurança do município. Nós sabemos a dificuldade do dia a dia em trabalhar em uma comarca como Sidrolândia com inúmeras aldeias e assentamentos. Então, esse auxílio e união dará otimização aos trabalhos diários. Pela primeira vez estamos tendo realmente uma reunião com todas as autoridades para melhorar a segurança de nossa cidade”.

“Estamos acompanhados hoje pelas autoridades do município e do estado para tratar da segurança pública de Sidrolândia. Nosso objetivo é debater diretrizes que trarão melhorias e efetivação da segurança, já que é uma solicitação de imediato da população e nosso objetivo é cumprir com essa demanda”, disse o deputado estadual Gerson Claro.

Foi desenvolvido um termo de compromisso e empenho em prol da segurança com as deliberações citadas acima para que todas as autoridades assinem e façam cumprir as ações.

Hits: 27