Famosos

Revelado no “BBB”, Gil do Vigor se destaca com quadro de economia no “Mais Você”

Desde que estreou, em 2002, o “Big Brother Brasil” revela nomes que acabam sendo aproveitados não só na Globo, mas em outros canais da tevê aberta e também fechada.

Com o “BBB21” não foi diferente. Gil do Vigor não chegou à final do “reality show”, mas garantiu um contrato com a Globo e começou, em julho, a dar expediente no “Mais Você” com o quadro “Tá Lascado”, no qual responde dúvidas ligadas à economia.

“Essa é uma parceria muito leve, em um quadro bem legal. Estou confiante de que Ana Maria Braga vai me dar essa força, essa ajuda. Amo demais essa mulher e estou muito feliz”, avalia o economista.

A exibição do “Tá Lascado” é semanal. Porém, durante as Olímpiadas, o “Mais Você” está ficando alguns dias fora do ar, em função das competições esportivas.

No quadro, Gil recebe perguntas de telespectadores, que normalmente querem saber se é melhor pagar algo à vista ou parcelado no cartão de crédito, quais as responsabilidades de um fiador, se poupança ainda é um investimento vantajoso e outros assuntos que fazem parte da realidade de uma grande parcela da população brasileira.

Para as respostas, ele abusa do bom humor e, é claro, do conhecimento que tem sobre economia.

“Eu acho que as pessoas querem ouvir e aprender. A maioria pensa que economia e finanças é um tema impossível de entender, mas não é. Quero dar algumas dicas básicas e de um jeitinho simples. Um aprendizado de coisas que as pessoas sabem, mas não sabem que sabem”, analisa Gil.

A seu favor para se manter na função, Gil tem a empatia de um público que se acostumou, por mais de três meses, a acompanhar sua rotina diária na casa do “BBB21”. Para ele, um diferencial foi justamente sua espontaneidade e franqueza durante a disputa por R$ 1,5 milhão. 

“Quando você vê na televisão a pessoa que passou o mesmo perrengue que você passa, se identifica. Dá para você ser normal e sincero, para errar, acertar e ser doido da cabeça, mas, ainda assim, ter um coração bom”, explica.

A paixão pela economia surgiu quando Gil assistiu ao filme “À Procura da Felicidade”, dirigido por Gabriele Muccino e protagonizado por Will Smith, lançado em 2006.

“O personagem sonhou e batalhou muito. Para o filho não perceber a realidade, ele criava toda uma história”, lembra Gil, que adotava a mesma estratégia para lutar por um futuro melhor.

“A minha vida também era assim: eu criava um enredo, uma novela na minha cabeça, para continuar acreditando e vivendo um sonho, mesmo em uma realidade tão difícil. Acabou se tornando real na minha vida”, conta.

Foi durante sua passagem pelo “BBB21” que Gil foi aprovado para fazer PhD na Califórnia, nos Estados Unidos.

Mas isso não significa que o “Tá Lascado” esteja fadado ao término com a partida do economista, que está prevista para setembro. A própria Ana Maria Braga já anunciou na televisão que o pernambucano seguirá no “Mais Você”, gravando diretamente de lá.

“Me sinto extremamente lisonjeado por essa oportunidade, por ter sido escolhido e por estar perto de uma pessoa que é tão especial para mim e que acompanhei a vida inteira”, valoriza Gil, que acredita que passará pelo menos seis anos morando fora do Bra

Hits: 2