As melhores notícias da nossa região!

Sidrolândia alerta para aumento de casos de dengue; município já confirmou 14 casos

Por conta do aumento dos casos de dengue registrados nas últimas semanas, a Prefeitura de Sidrolândia através do Controle de Vetores está intensificando as ações de combate ao mosquito Aedes aegypti. Até o momento foram confirmados 14 casos desde o início do ano.

A Saúde alerta que devido ao aumento das notificações pode haver falta de medicamentos antibióticos e alargamento da procura por atendimentos médicos nas Unidades de Saúde. Nas últimas 24 horas, por exemplo, a UPA (Unidade de Pronto Atendimento) realizou 265 consultações, sendo 70 destas de pacientes com sintomas gripais e registrou ainda mais três notificações de dengue que estão em investigação.

Desde a semana passada o Controle de Vetores intensificou as visitas para concluir o ciclo. A equipe também realizou o fumacê nas localidades com mais notificações. Na quinta-feira, feriado de Tiradentes, os serviços foram feitos no Capão Bonito com cinco agentes, e na sexta 10 agentes concluíram os trabalhos na Aldeia Córrego do Meio. Até o dia 16 foram realizadas 26.200 visitas domiciliares e 96 bloqueios que abrangeram 583 quarteirões.

Cb image default
Divulgação

Conforme o Boletim Epidemiológico da Secretaria de Estado de Saúde, divulgado no último dia 20 e que sofre atualização semanalmente às quartas-feiras, Sidrolândia tem 99 casos prováveis da doença e é o 29° município do estado em incidência (167,1), com risco médio.

São considerados casos suspeitos de dengue as pessoas que vivem ou tenham viajado nos últimos 14 dias para área onde esteja ocorrendo transmissão de dengue ou tenha a presença de Aedes aegypti, que apresenta febre, usualmente entre 2 e 7 dias, e apresente duas ou mais das seguintes manifestações: náuseas e vômitos; exantema (manchas avermelhadas no corpo); mialgias(dor muscular) e artralgia (dor nas articulações); cefaleia (dor de cabeça) e dor retro-orbital (dor nos olhos); petéquias ou prova do laço positiva; leucopenia (é quando o número de leucócitos, que são as células de defesa do sangue, está baixo; é verificado através do exame hemograma). Também pode ser considerado caso suspeito toda criança proveniente ou residente em área com transmissão de dengue, com quadro febril agudo, usualmente entre 2 a 7 dias, e sem foco de infecção aparente.

A Prefeitura solicita a colaboração de toda a população para receber a equipe de agentes nas casas, assim eles poderão realizar vistoria detalhada para interromper o ciclo do mosquito transmissor, e também manter as medidas de prevenção e combate como manter bem tampado tonéis, caixas e barris de água, lavar semanalmente com água e sabão tanques utilizados para armazenar água, manter caixas d’água bem fechadas, não deixar água acumulada sobre a laje, remover galhos e folhas de calhas, colocar lixos em sacos plásticos em lixeiras fechadas, recolher sacos plásticos e lixo do quintal, entre outros. 

Cb image default
Divulgação

Talvez te interessem:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

© Copyright Meu Portal de Notícias 2022. Todos os direitos reservados.